Homeopatia

       Samuel Hahnemann

      Baseando-se no princípio dos semelhantes (enunciado por  Hipócrates, 460-370 a.C ), em 1796 o médico alemão Samuel Hahnemann criou a Homeopatia (tratamento médico, através de substâncias que causam sintomas "semelhantes" aos da doença), apoiando-se na observação experimental de que toda substância capaz de provocar determinados sintomas numa pessoa sadia pode curar estes mesmos sintomas numa pessoa doente.
       
A homeopatia é um sistema científico definido,  com uma metodologia de pesquisa própria, apoiada em dados da experimentação farmacológica dos medicamentos em indivíduos humanos  reproduzidos ao longo dos últimos séculos. A concepção filosófica homeopática da enfermidade admite ser ela o resultado da perturbação da força vital,  caracterizada como uma forma de energia essencial mantenedora da vida e do equilíbrio biopsíquico. O fundamento do desequilíbrio da saúde portanto, encontra-se num nível imaterial e energético. O resgate da saúde implica no restabelecimento desta ordem.

      A homeopatia busca  medicamentos que são capazes de causar nos indivíduos sadios sintomas semelhantes (homeo) aos que se deseja combater nos indivíduos doentes, estimulando o organismo a reagir contra a sua própria enfermidade. Para atuar nesta natureza imaterial  a Homeopatia utiliza medicamentos em doses infinitesimais. Através da dinamização, os medicamentos ativam a memória do diluente (água ) em suas ligações covalentes de hidrogênio,  agindo como mobilizadores do processo de cura.
   Cada medicamento homeopático quando experimentado nos indivíduos sãos (patogenesia) dá origem a uma série de sintomas: mentais, gerais e físicos, que então, são científica e estasticamente catalogados. Os sintomas surgidos da experimentação,  devem ser semelhantes aos do indivíduo a ser tratado, tornando-se portanto, indispensável o conhecimento dos sinais e sintomas objetivos e subjetivos do paciente, a fim de que o médico homeopata possa encontrar o medicamento que mais se lhe assemelhe. É por isso que o médico homeopata  necessita saber  muitas das particularidades individuais de seus pacientes.
    O médico homeopata, deve ter  curso regular e oficial de medicina, portanto tem  um número de registro no CRM, e fazer uma pós graduação em homeopatia de mais de 1200 horas, com seu título de especialista registrado no Conselho Federal de Medicina (C.F.M.).No Brasil o ensino e o exercício da homeopatia por e para leigos é crime.
    A medicina homeopática é a medicina da pessoa, que busca compreender cada paciente como único, dentro desta complexidade que é o ser humano.
    A prática homeopática chegou ao Brasil no dia 21 de novembro de 1840, graças ao médico francês Jules Benoit Mure, discípulo direto do Dr Samuel Hahnemann (criador da Homeopatia). Nesta data se comemora, no nosso País, o " Dia da Homeopatia".